terça-feira, 4 de maio de 2010

Tristezas, menus e músicas

Às vezes acontecem coisas más. E apesar de não terem acontecido comigo, nem com ninguém da minha família, estão a acontecer a pessoas que me são muito próximas. Uma dessas coisas está a acontecer a uma aluna e não tem remédio. Outras duas coisas estão a acontecer a uma grande amiga e se uma também não tem remédio, para a outra só existe uma réstia de esperança, ou talvez a ilusão de quem não quer acreditar que a vida pode ser tão injusta. E para mim, só a morte não tem remédio.
É inevitável que me deixe levar pelos sentimentos que rodeiam essas pessoas que me são queridas, seja por as sentir devastadas, seja por aquele egoísmo natural, que todos temos nestes momentos e que nos faz sentir culpados por o ter, que nos leva a lembrar momentos semelhantes por que passámos e que queremos esquecer.

Momentos como este também me fazem perceber que devemos aproveitar cada momento de felicidade HOJE. Não podemos esperar por amanhã. Temos que usufruir de quem amamos HOJE. Amanhã podemos não os ter connosco.
É nestes momentos que percebemos que a vida é muito frágil e efémera, seja nos idosos, nos adultos ou nas crianças.

menu de 2ª feira
PA - leite com cereais
MM - maçã com bolacha
A - salmão cozido com cenoura e iogurte
L - maçã com bolacha
J - sopa

menu de 3ª feira
PA - leite com cereais
MM - maçã com bolacha
A - frango cozido com alface e cenoura ralada e iogurte
L - maçã e pão com manteiga
J - sopa
C - ?

Entretanto deixei atrasar o desafio das músicas. E apesar de hoje não me apetecer nada dançar, já fiz a escolha de quase todas as músicas há algum tempo, por isso cá vai.

Day 08 - A song that you can dance to (Uma canção que te faz dançar)

Sleeping my day away - D.A.D.

4 comentários:

Lilith disse...

pois é, querida, é impossível não sentir a dor das pessoas que nos rodeiam e de quem nos gostamos. Apoia mas não te deixes consumir, porque assim não estarás a ajudar ninguém e só te prejudicarás também. tens um coração muito generoso :)

beijos :) força!

p.s. - vens ao almoço da blogosfera light? eu gostava de te conhecer :)

Da gordura à formosura disse...

Eu precebo bem isso que dizes e toca-me bastante...
Tudo se há-de resolver.
Beijinhos.

Mirian disse...

Olá,
Vim conhecer seu cantinho, aproveito para desejar muiiiiiiita força e determinação nessa caminhada.
Bj......

Miss Betterme disse...

Eu também sou assim... fico triste por empatia com os sentimentos dos outros. Mas isso de nada adianta não é? Mais vale tentar manter a alegria e tentar que essa alegria contagie as pessoas que precisam dela...
Sei lá, nestes casos é muito difícil ser-se forte...
Bjs